O que é Câncer de ovário?

cycle inside the female body, circle of digestion, menstruation

O câncer de ovário é um tipo de câncer que começa nos ovários. As mulheres têm dois ovários, um de cada lado do útero, com tamanho de uma amêndoa. Esses ovários são responsáveis por produzir óvulos, bem como os hormônios estrogênio e progesterona.

O câncer de ovário costuma passar despercebido até que tenha se espalhado dentro da pelve e abdome. Nesta última etapa, o cancro do ovário é mais difícil de tratar e é frequentemente fatal. A fase inicial é mais susceptível de ser tratada com sucesso. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), cerca de 3/4 dos cânceres desse órgão apresentam-se em estágio avançado no momento do diagnóstico.

Pouco frequente, o câncer de ovário é o tumor ginecológico mais difícil de ser diagnosticado e o de menor chance de cura. De acordo com o INCA, são registrados aproximadamente cinco mil novos casos por ano.

Tipos

O tipo de célula em que o câncer começa determina o tipo de câncer de ovário. Confira:

  • – Tumores epiteliais, que começam na fina camada de tecido que cobre o lado de fora dos ovários. Cerca de 90% dos casos de câncer de ovário são tumores epiteliais;
  • – Tumores do estroma, que começam no tecido ovariano que contém células produtoras de hormônios. Estes tumores são geralmente diagnosticados em um estágio mais inicial do que outros tumores ovarianos. Cerca de 7% dos tumores ovarianos são do tipo estromal;
  • – Tumores de células germinativas, que começam nas células produtoras de óvulos. Esse tipo de câncer de ovário é raro, e tende a ocorrer em mulheres mais jovens.

Causa

Não se sabem exatamente o que causa o câncer de ovário. Fatores genéticos, tais como mudanças no DNA, são um fator de risco para alguns casos. Em geral, o câncer começa quando uma mutação genética transforma células normais em células cancerosas anormais. As células cancerosas se multiplicam rapidamente, formando uma massa tumor.

Fatores de risco

  • – Ter um histórico familiar de câncer de ovário: Ter uma mãe, irmã ou filha que teve câncer de ovário irá aumentar o seu risco. E se você tem dois parentes próximos com câncer, você vai ter um risco mais elevado;
  • – Herança genética: Um pequeno número de mulheres com história familiar de câncer têm alterações genéticas, como as alterações genéticas BRCA herdada. Ter certas alterações genéticas pode colocar uma mulher em risco para câncer de ovário.

Se você tem um forte histórico familiar de câncer de ovário ou de mama, você pode querer falar com o seu médico ou um geneticista para fazer um exame de sangue que procura mutações nos genes BRCA1 e BRCA2.

Fonte: Minha Vida