Mau hálito

Closeup of an attractive young woman with a toothbrush

Hálito é o odor que sai pela boca. Quando a pessoa expira um cheiro ruim pela boca, chamamos de mau hálito, ou halitose. O problema pode ser sintoma de desordens no organismo, inclusive doenças.

Como as pessoas, frequentemente não sentem seu próprio hálito, é preciso o aviso de uma pessoa próxima para se detectar o problema.

Muitas pessoas pensam que o mau hálito vem do estômago, mas a halitose pode ter várias causas. Em 90 a 95% dos casos o problema tem origem na boca. Veja algumas causas:

– Saburra lingual: placa bacteriana esbranquiçada ou amarelada, que fica no fundo da língua. Aparece devido à falta de saliva, geralmente.

– Dentes semiinclusos

– Excessos de tecido gengival

– Feridas cirúrgicas

– Cárie aberta e extensa ou profunda

– Próteses mal adaptadas

– Abscessos

– Estomatites

– Miíase

– Cistos dentígeros

– Câncer de boca

– Jejum por longo tempo

– Consumo de alimentos de odor forte

– Diabetes não descompensado

– Hipoglicemia

– Alterações hepáticas, renais e intestinais

Fatores de risco

Alguns fatores podem facilitar o aparecimento do mau hálito. São eles:

– Respirar pela boca

– Doenças em gengiva

– Pouca saliva

– Infecções de garganta

– Doença dos rins

– Doenças no fígado

– Constipação intestinal

– Dieta severa

– Depressão

– Tabagismo

– Consumo de álcool

Ao ser avisado por um amigo é importante consultar um odontologista. Podem ser feitos exames físicos, análise do fluxo salivar, além de perguntas específicas. Em outros casos pode ser necessária a realização de exames de sangue e endoscopia.

Os exames para diagnóstico incluem exame físico do paciente, análise do fluxo salivar, questionários específicos e, em casos mais raros, exames de sangue e endoscopia. Mas para prevenir o problema uma boa medida é manter uma boa higiene oral, limpando inclusive a língua. Além disso, deve-se lembrar que os antissépticos bucais não resolvem o problema, apenas servem como método paliativo.

Fonte: Minha Vida