Chocolate saudável: faça essa escolha

cocoa

O chocolate pode ser saudável, mas, para isso, precisa conter 70% de pó de cacau em sua composição. É o chocolate amargo.

Pontos Positivos:

O chocolate amargo tem uma boa quantidade de pó de amêndoa de cacau que é rico em flavonoides, especialmente a epicatequina, e são poderosos antioxidantes, além de conter ferro, zinco, magnésio, entre outros. Além disso, a manteiga de cacau contém gordura poli-insaturada, que é a gordura boa.

Por conta dos flavonoides o chocolate amargo protege o cérebro, pode diminuir o risco de doenças cardiovasculares e câncer, contribui para a baixar o colesterol ruim e a pressão arterial.

Também tem cafeína, um estimulante do sistema nervoso central que melhora a concentração e dá energia. A cafeína também tem ação termogênica que acelera o metabolismo e ajuda a perder peso.

O magnésio é importante para os nervos e músculos e evita a formação de pedras nos rins e vesícula. O ferro evita a anemia e as fibras do alimento auxiliam no trabalho intestinal. Os flavonoides também protegem a pele da radiação ultravioleta e evitam o envelhecimento celular.

O chocolate amargo também proporciona sensação de bem estar pois, contém triptofano, aminoácido é precursor da serotonina, hormônio responsável pelo prazer

Cuidados:

Muitos fabricantes substituem a manteiga de cacau por gorduras hidrogenadas.

Consumir chocolate amargo em demasia pode resultar em ganho de peso, além de aumentar os níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue, o que aumenta o risco de diabetes.

Comer muito chocolate pode causar dor de cabeça, e também aumentar a propensão a cálculos renais pois o alimento é rico em oxalato.

Tipos de chocolate:

Chocolate amargo: Tem 70% de pó de cacau na sua composição, não tem leite e contém menos açúcar e gorduras. Se for consumido diariamente em pequena quantidade (30 gramas), pode ser benéfico para a saúde.

Chocolate meio amargo: Contém 40% de pó de cacau, tem menos leite e açúcar, mas não pode beneficiar quem os consome, pois a quantidade de cacau não é suficiente.

Chocolate ao leite: A quantidade de pó de cacau é de 25%. Contém muito açúcar e pode conter gorduras hidrogenadas. Tem leite que faz com que o chocolate possua colesterol e gordura saturada.

Chocolate branco: Não tem pó de cacau, feito com manteiga de cacau e açúcar e pode conter gordura hidrogenada.

Fonte: Minha Vida