Câncer de endométrio

woman with pain has her hand on stomach

O endométrio é a membrana que reveste a parede interna do útero. O endométrio engrossa todo mês com o ciclo menstrual, preparando-se para a gravidez. Quando não há fecundação, o revestimento é expelido do corpo em forma de menstruação.

Depois da menopausa, esse movimento do endométrio cessa. No caso de mulheres com câncer de endométrio, esse sangramento acontece motivado por células anormais.

O câncer nessa região é mais comum em mulheres com idade acima de 60 anos. O sintoma mais aparente é o sangramento vaginal anormal.

Fatores de risco

– Exposição ao estrogênio a longo prazo. Esse hormônio pode ser produzido pelo organismo ou recebido em terapia hormonal.

– Menstruação precoce

– Menopausa tardia

– Nunca ter engravidado

– Idade avançada

– Diabetes

– Sedentarismo

– Alcoolismo

– Hipertensão

– Terapia hormonal contra o câncer de mama

– Histórico familiar de câncer na região do útero

– Obesidade gera riscos devido à elevação dos níveis de estrogênio endógeno.

Sintomas

– Sangramento vaginal no intervalo das menstruações

– Secreção aquosa ou com sangue muito claro

– Dor pélvica

– Dor durante a relação sexual.

Várias mulheres descobrem o câncer de endométrio em consultas de rotina, por isso é importante continuar realizando consultas e exames preventivos.

Para diagnosticar a doença pode ser feito exame pélvico, além de ultrassom transvaginal, histeroscopia.

Fonte: Minha Vida